Peeling

TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

Peeling

A palavra vem do inglês e quer dizer descamar ou trocar. Ou seja, o peeling nada mais é do que acentuar um processo imperceptível de descamação, que ocorre diariamente na nossa pele. Consiste em aplicar substâncias químicas que provocam a descamação da pele. Assim, com a esfoliação, a epiderme é renovada e as manchas removidas. O tratamento também estimula a formação de colágeno.

 

Os peelings são indicados para rejuvenescimento, tratamento da acne, bem como de manchas e estrias. Eles podem ser classificados em superficiais, médios e profundos.

 

Peeling superficial

 

Os peelings superficiais podem ser feitos com diversos produtos de acordo com a indicação clínica.

 

Em geral, a pele começa a ser preparada 15 dias antes do procedimento, com o uso de medicações de uso tópico domiciliar. Dessa forma, o peeling faz melhor efeito, não deixando manchas e a cicatrização é mais fácil. O procedimento é rápido, de 15 a 20 minutos, e praticamente indolor.

 

Para ter bons resultados, os peelings devem ser feitos a cada 15 dias, em um total de quatro a seis sessões.

 

Tem indicação para acne, manchas escuras (melasmas e melanoses solares) na face, mãos e corpo, assim como para estrias e rejuvenescimento. Logo após o peeling, a pele fica avermelhada e, no dia seguinte, se torna um pouco mais escura. Entretanto é no terceiro dia que se inicia a descamação, de forma muito leve. O uso de protetor solar é sempre indicado, mas a pessoa pode retornar à vida social, sem necessidade de afastamento.

 

Peeling médio

 

É bastante utilizado para fotorejuvenescimento, já que estimula a formação de colágeno e melhora rugas superficiais e manchas.

 

Por produzir descamação local com expulsão do pigmento, a pele fica com mais brilho e aspecto saudável.

 

No pós-peeling, a pele fica escura, forma-se uma crosta e é necessário que a paciente fique em casa por, pelo menos, três dias. Esse peeling deve ser feito no inverno e pode ser repetido a cada seis meses, se necessário.

 

Peeling profundo

 

O peeling de Fenol é do tipo profundo e tem indicação para rugas profundas com excelentes resultados. No entanto, precisa de um período longo de recuperação (o pós-operatório pode se estender por até 30 dias).

 

É realizado com sedação no centro cirúrgico, já que pode provocar arritmia cardíaca. Mas, nos casos de rugas apenas na região ao redor dos lábios e dos olhos, pode ser feito no consultório com uso de anestesia local.

 

No pós-cirúrgico, formam-se crostas espessas que, ao se desprenderem, deixam a pele avermelhada e muito sensível. Portanto, deve ser bem protegida do sol para evitar que ocorra hiperpigmentação (manchas escuras). Além disso, podemos ter também como complicação uma área de despigmentação (acromia). O procedimento é indicado, principalmente, para pacientes de pele clara.

Entre em Contato

Conosco


    Open chat
    Podemos te ajudar?